Massagem Ayurvédica

O nome é complicado, mas a massagem  “Ayurvédica” é muito relaxante e já vem sendo praticada há cerca de 3 mil anos na Índia. No Brasil ela chegou há aproximadamente uma década.

Em sânscrito, AYU significa vida e VEDA significa conhecimento ou ciência, sendo assim Ayurveda pode ser traduzido como a ciência ou conhecimento da vida.

 A Massagem Ayurvédica é uma técnica de massagem profunda que combina movimentos vigorosos em toda a massa muscular e alongamento. São estimulados pontos e órgãos vitais, além manobras de tração para a completa abertura e correção dos centros de energia do corpo, conhecidos como chakras. Ela atua sobre toda a musculatura do corpo, vértebras, membros e articulações, trabalhando com alongamentos, deslizamentos, tração, drenagem linfática, posturas da yoga e amassamentos, feitos com óleos vegetais e um pó medicinal. 

Os toques profundos são realizados com as mãos, cotovelos e pés do massagista ayurveda que utiliza o peso de seu corpo. Ela propicia um realinhamento postural, alívio de tensões – por vezes crônicas – no corpo físico, fortalece o sistema imunológico e tem efeitos anti-estresse e anti-depressivo. Por combinar alongamentos, ela aumenta a flexibilidade do corpo, lubrificando as articulações, possibilitando a livre circulação da energia vital. 

Como outras técnicas orientais, o efeito terapêutico no corpo físico, estende-se para os corpos emocional e espiritual. As emoções, conceitos, crenças e experiências vivenciadas e “marcadas” no corpo (sejam elas de medo, dor, frustração, ansiedade, prazer, raiva, etc.) são "tocadas" e liberadas, propiciando um profundo processo de autoconhecimento e transformações interna e externa, a partir da consciência corporal. 

Com isso ela é um  poderoso sistema de tratamento para harmonização, balanceamento e revitalização do ser.